Polícia Civil recupera três celulares roubados em Jacobina-BA




A Polícia Civil conseguiu recuperar três aparelhos celulares, que haviam sido roubados em Jacobina-BA. Esses aparelhos foram apreendidos em poder de outras pessoas que compraram de terceiros, sendo encontrados em suas residências.

O material apreendido, um Samsung J6 +, na cor azul marinho; um Xiaomi Note 7, na cor preto e um Samsung Galaxy A30s, cor roxo, foram apresentados ao delegado plantonista Dr. Tarcísio Túlio Dantas Silva e adotadas as medidas necessárias.

As investigações ocorreram com o apoio das operadoras de telefonia móvel, sendo possível localizar e identificar as pessoas que estavam de posse dos aparelhos que foram roubados por um indivíduo de iniciais D. O.  S., o qual abordava pessoas que passavam pelas ruas menos movimentadas desta cidade portando uma faca, ameaçava as vítimas para subtrair seus pertences pessoais, incluindo o telefone celular.

No dia 06 de outubro de 2020, a equipe de Investigadores da Delegacia Territorial conseguiu prender em flagrante o acusado, pois o mesmo estava de posse de aproximadamente meio kg de uma erva, aparentemente maconha e ao ser interrogado acerca dos crimes de roubos o qual era acusado, acabou por confessar estes e também o furto de uma motocicleta no distrito de Caatinga do Moura no dia 24 de setembro de 2020, juntamente com seu comparsa I. C. S., que já se encontra preso em flagrante por este crime.

Segundo a Polícia Civil, os aparelhos roubados foram encontrados nas residências das pessoas que adquiriram sem a devida comprovação de origem, assim foram intimadas a comparecerem à Delegacia, para prestarem esclarecimentos, podendo ser responsabilizadas por crime de receptação.

“As pessoas ao comprar um aparelho celular, devem anotar o número do IMEI,  guardando a caixa e nota fiscal, que contém o referido número e comprova a propriedade”, orienta o Delegado Coordenador Regional, Eduardo Brito, acrescentando que, com uso deste número, é possível fazer a solicitação  de localização dos aparelhos furtados ou roubados junto às respectivas operadoras.

 

Postar um comentário

0 Comentários